Imobiliárias e PF definem estartégia de atuação durante a Copa

Com o foco voltado para as transações imobiliárias que eventualmente venham a ser realizadas durante a Copa do Mundo de 2014 envolvendo clientes estrangeiros, o Sindicato das Empresas Imobiliárias do Rio Grande do Norte (SECOVI/RN) estabeleceu um canal de comunicação com a Polícia Federal do RN, com o intuito de definir quais os procedimentos que as imobiliárias devem tomar com relação aos estrangeiros que vão alugar imóveis por temporada, em Natal e na Grande Natal, durante o campeonato mundial de futebol Download the exciting pop song.

A reunião contou com a participação do presidente do SECOVI/RN, empresário Renato Gomes, do diretor da entidade, Roberto Peres, do superintendente da PF, Kandy Takahashi, e dos delegados Polyana e Márcio Tenório, este último indicado para atuar como canal de comunicação entre ambas as instituições 2017 Autocad.

No encontro ficou estabelecido que, através do SECOVI/RN, será comunicado à Polícia Federal os eventuais problemas ou atitudes fora da normalidade que sejam protagonizados nos imóveis locados, por temporada, ao público estrangeiro que vem assistir aos jogos 초등학교 1학년 교과서 pdf.

Renato Gomes diz que nas situações de locação por temporada envolvendo visitantes de outros países, algumas providências devem ser tomadas pelo locador, entre elas a solicitação de cópia do passaporte de todas as pessoas que vão frequentar o imóvel durante o período, contrato, pagamento integral do aluguel antes da entrega das chaves e vistoria minuciosa encode 접속기 다운로드.

Sem categoria