Robinson é investigado por crimes de organização criminosa e obstrução da justiça

A operação da PF na casa do governador Robinson Faria faz parte da operação Anterus, criada para investigar crimes de organização criminosa e obstrução da justiça que estariam sendo praticados pelo chefe do Poder Executivo do RN 삼다수.

Cerca de 70 policiais dão cumprimento a 11 medidas judiciais, sendo 02 de prisão e 9 de busca e apreensão. Todos os mandados foram expedidos pelo Superior Tribunal de Justiça – STJ 시카고 미술관.

O Ministro Raul Araújo Filho, da Corte Especial do STJ, determinou que fosse iniciada investigação preliminar para apurar os crimes de organização criminosa e obstrução da Justiça que estariam sendo praticados pelo Governador do Estado com ajuda de servidores estaduais Download Windows 10 Explorer11.

As manobras ilegais tinham por objetivo encobrir que fossem investigados atos do executivo estadual relativos ao desvio de recursos públicos por meio da inclusão de “funcionários fantasmas”, na folha de pagamento da Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Norte entre os anos de 2006 até os dias atuais.Devido ao sigilo dos autos as informações se restringem a nota AuraSink.

Info: g1