MEC faz pesquisa sobre aulas remotas nas universidades

O Ministério da Educação (MEC) está realizando uma pesquisa nacional com alunos e professores de instituições de ensino de todo o país para saber sobre as experiências vivenciadas com as aulas remotas Kemeco Deluxe.

Na UFRN, o professor ou aluno que participou das atividades acadêmicas em formato remoto do Período Letivo Suplementar Excepcional (PLSE) 2020.5 pode contribuir respondendo a pesquisa Gunbolt. O prazo de preenchimento do questionário é até esta sexta-feira, 31, por meio deste link, para professores, e deste link, para alunos 엔플라잉.

A pesquisa é realizada pela Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior (SERES) do MEC, em parceria com o Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE), e busca orientar as políticas regulatórias e de supervisão, principalmente enquanto não for possível o retorno normal das atividades acadêmicas. 

A proposta é entender a percepção de professores e alunos sobre a nova rotina de aulas e estudos por meio remoto, e obter informações sobre quais foram as ferramentas e tecnologias utilizadas para as aulas remotas 스케치업 2019 한글. A participação de discentes e docentes é importante ainda para a melhoria das políticas regulatórias e de supervisão do sistema federal de ensino superior. 

A iniciativa é um desdobramento da publicação da Portaria do MEC nº 544, de 16 de junho de 2020, que trata da substituição das aulas presenciais por aulas em meios digitais durante a pandemia da covid-19 Chimes.