Virada na sucessão de Natal e Mossoró

A segunda-feira termina com nova movimentação política na sucessão de Natal e Mossoró.

Hermano Morais desistiu de desistir e decidiu que vai voltar a condição de candidato a prefeito de Natal. Na convenção do último sábado o PSB não homologou o nome dele para a disputa. Na ocasião Hermano justificou que a campanha seria “curta e atípica” e que por isso a legenda não havia decidido pelo lançamento da candidatura própria.

A retirada causou estrago. Candidatos a vereador reagiram e Hermano já era considerado o primeiro derrotado das Eleições 2020.

Para não prejudicar ainda mais a carreira política Hermano voltou atrás e em nota o partido disse que ele busca agora um companheiro de chapa.

Em Mossoró veio a outra novidade. Sandra Rosado e Larissa ficam com a candidatura de Rosalba. As duas não compareceram a convenção da última sexta-feira e começaram a conversar com a candidata do PT, Isolda Dantas.

Sandra Rosado lutava para que Larissa fosse a companheira de chapa de Rosalba. A vaga acabou sendo preenchida pelo advento Jorge do Rosário.

A saída do grupo de Sandra prejudicava a candidatura de Rosalba com a perda de tempo no programa eleitoral.

Depois de muitas conversas as duas políticas terminaram a segunda-feira se entendendo e unidas na disputa pela reeleição.

Compartilhe

Jornalista