Cooperativa dos Anestesistas consegue liminar que impede contratação de Instituto Baiano

O juiz da Vara da Fazenda Pública, Luis Alberto Dantas Filho, concedeu liminar solicitada pela Cooperativa dos Anestesistas do Rio Grande do Norte que suspende a contratação do Instituto Baiano para o Desenvolvimento da Saúde (IBDF), até o julgamento final da ação.

A liminar suspendeu os efeitos da decisão administrativa do Estado do RN que cancelou a Concorrência Pública Nacional para a contratação de médicos anestesistas.

No início da pandemia o governo do Estado tentou abrir um hospital de Campanha de Natal contratando uma OS também da Bahia.

Compartilhe

Jornalista