Ausência de Sandro Pimentel atingiu servidores

Se o deputado estadual Sandro Pimentel tivesse comparecido a votação da última quarta-feira, dia 2, os servidores estaduais poderiam ter contabilizado uma vitória.

Por 11votos a 10 o governo conseguiu retirar da pauta o projeto de lei que concedia 16% de reajuste aos procuradores estaduais. O projeto, de autoria do próprio poder executivo, recebeu uma emenda que estendia o percentual para todos os servidores do estado.

Temendo a aprovação e uma crise sem precedentes em caso de vetos, o governo decidiu recuar.

A oposição e alguns deputados da “base aliada” ainda tentaram evitar o recuo. Mas faltou um voto que poderia ter sido do deputado Sandro Pimentel, que nos tempos de vereador sempre votou a favor do servidor.