Mortes nas cidades de Extremoz e Ceará-Mirim superam índice do país c mais violento do mundo

A reportagem está no site do UOL, um dos portais mais acessados do país.

A crise de segurança no Rio Grande do Norte, que levou 2.800 militares das Forças Armadas e da Força Nacional de Segurança Pública ao Estado, agravou a criminalidade no final de 2017. No entanto, não é de hoje que a violência se apresenta no RN.

A cidade de Extremoz, conhecida por belas praias como Genipabu, registrou a maior a taxa de homicídios no RN em 2017: 233 por 100 mil habitantes. No triste ranking da violência, Ceará-Mirim surge logo em seguida, com taxa de 196 assassinatos. Os dados são do Obvio (Observatório da Violência Letal Intencional), ligado à Ufersa (Universidade Federal Rural do Semi Árido), que computa os crimes a partir de fontes oficiais.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Print this pageEmail this to someone