Presa quadrilha suspeita de fraudar concurso público 

A polícia prendeu 19 pessoas neste fim de semana suspeitas de fraudar concursos públicos na Paraíba e em outros estados do nordeste, segundo a Delegacia de Defraudações de João Pessoa informou neste domingo (7). Segundo as investigações, mais de 400 pessoas foram beneficiadas pelo esquema através do pagamento de R$ 12 milhões à quadrilha durante os últimos dez anos.

As fraudes aconteceram em concursos nos estados da Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Rio Grande do Norte, Sergipe e Piauí. A venda do “serviço” custava cerca de 10 vezes o valor do salário inicial do cargo pleiteado pelo concurseiro.

O esquema funcionava por meio de escutas e transmissões eletrônicas durante a aplicação das provas. Parte dos suspeitos ficavam na casa onde os líderes do grupo foram presos, em João Pessoa, e eram responsáveis por receber as informações das provas de outros integrantes do grupo que faziam as provas.

Além dos suspeitos presos na capital paraibana, outros integrantes foram detidos no domingo no Rio Grande do Norte, durante a aplicação das provas do concurso público do Ministério Público do Rio Grande do Norte. De acordo com Lucas Sá, os suspeitos estavam com pontos eletrônicos no ouvido, que foram apreendidos durante a operação.

*Com informações do G1 da PB

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Print this pageEmail this to someone