PT concorda com aliança na proporcional com PHS e PCdoB

Demorou mas o diretório estadual do Partido dos Trabalhadores finalmente aprovou neste domingo (1) a indicação de aliança proporcional com PHS e PC do B.

A decisão pode viabilizar a eleição de representantes das duas legendas na Assembleia Legislativa. Se a coligação nao fosse aprovada, dificilmente, PHS e PCdo B teriam chances. A coligação pode trazer dificuldades para o próprio PT, que resistia e queria sair em faixa própria. A posição da pré-candidata, Fátima Bezerra, foi fundamental para a decisão. O blog recebeu a informação de que ela fechou questão e não admitiu decisão diferente. Fátima Bezerra sabe da importância da aliança para viabilizar o projeto político dela e do próprio PT.

Os comunistas vão indicar o pré-candidato a vice-governador. A direção estadual do PCdoB enviou uma lista com as sugestões dos nomes de Airene Paiva, Antenor Roberto, Francisco Canindé de França e Gutemberg Dias. A escolha será definida pela candidata junto às instâncias partidárias.

“Terminamos mais uma reunião do PT cada dia mais unidos, firmes no propósito de enfrentarmos e vencermos essa luta, uma luta que nasceu do sentimento popular, do desejo das pessoas por mudança, de que a esperança vença o medo mais uma vez”, disse a pré-candidata. Ela saudou PC do B e PHS e ressaltou a solidez da aliança em torno de sua pré-candidatura. “Uma alegria tê-los conosco”.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Print this pageEmail this to someone