Arcebispo de Natal anuncia que haverá mudanças no comando das paróquias e pede aos padres que aceitem “de coração aberto”

O Arcebispo Metropolitano, Dom João Santos Cardoso, enviou carta aos padres da Arquidiocese de Natal, nesta terça-feira, 4 de junho, na qual trata a respeito de renovações das provisões canônicas. O texto resulta das decisões da última reunião do Conselho Episcopal, durante a qual foram avaliadas as provisões canônicas para párocos, tendo como base a Carta Pastoral “Naquele que me Fortalece”, com as orientações iniciais do ministério pastoral de Dom João, publicada em fevereiro deste ano.

De acordo com a carta circular enviada aos padres, as “provisões de párocos, concedidas por um período de 6 anos, poderão ser prorrogadas ou não por mais um mandato, a depender das necessidades pastorais”.

Em relação ao limite de renovações, o Arcebispo definiu que “provisões que já foram renovadas mais de uma vez, totalizando um período superior a 12 anos, não serão mais prorrogadas, quando elas forem expiradas”. Dom João lembra que “em razão das necessidades pastorais da Igreja Particular, mesmo que o presbítero esteja desenvolvendo um adequado trabalho em uma comunidade paroquial, poderá ser solicitado a colaborar em outra realidade paroquial”.

O Arcebispo finaliza a carta, pedindo que “cada padre se prepare para acolher essas mudanças com coração aberto, à semelhança de Cristo que, movido pela consciência missionária, estava sempre disposto a ir além dos lugares onde já havia alcançado grande sucesso