Notícia

Comunicação vai ser a principal arma para o sucesso da vacinação no Brasil

Além da guerra contra o vírus o Brasil tem mais uma batalha pela frente: convencer a população a se vacinar para reduzir o número de casos da Covid.

A divulgação da redução da eficácia global da Coronavac feita nesta terça-feira pelo governo de São Paulo pode trazer influências negativas no combate à doença. O percentual ficou pouco acima dos 50%.

Os governos federal, estadual e municipal devem montar campanhas publicitárias para mostrar a importância da imunização.

O governo federal estima gastar R$ 50 milhões em campanhas educativas assim que a vacinação começar.

O governo do Rio Grande do Norte e a Prefeitura de Natal se preparam para fazer o mesmo mas com cifras menores, claro.

Compartilhe

Jornalista