RN será campo de teste clínico para mais um estudo de vacina contra COVID-19

Uma potiguar incentivando ciência

A Anvisa aprovou um novo ensaio clínico fase 2/3 de vacina contra Covid-19, que incluirá até 12.000 voluntários no Brasil, distribuídos entre Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte e Rio de Janeiro 프로토타입1.


Em Natal/RN o Instituto Atena de Pesquisa Clínica será o responsável por implantar o protocolo de pesquisa. O Instituto é liderado pela médica e pesquisadora potiguar Dra Download Windows Vista 64-bit. Maria Sanali Paiva, que é a coordenadora nacional do estudo.
Para alcançar o universo de indivíduos a serem testados, o Instituto Atena está buscando voluntários entre 18 e 55 anos, residentes em Natal e região metropolitana, que não estejam com sintomas de COVID-19 e que não tenham sido vacinados contra a doença application/octet-stream 다운로드.

Pessoas que já tiveram COVID-19 podem se inscrever. O cadastro para voluntários já está aberto e há vagas remanescentes. As informações e formulário de cadastro estão disponíveis por meio do site www.covid.natal.br 고백부부10회 다운로드.


Após a etapa do cadastramento, os candidatos selecionados serão contatados nas próximas semanas para agendar sua visita ao Instituto Atena de Pesquisa Clínica 스케치 업. Nessa ocasião os voluntários terão de ler e poderão concordar com o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. Em seguida passarão por uma consulta médica, coleta de amostras e aplicação do produto 티스토리.


Os voluntários terão de regularmente responder a perguntas através de um aplicativo de smartphone, se submeter a consultas online e retornar ao Instituto Atena para acompanhamento cobuntu. A equipe médica manterá constante e cuidadoso contato com os participantes do estudo.


O estudo é ‘cego’, ou seja, parte dos voluntários recebe a vacina em teste e outra parte recebe o placebo, que não possui efeito algum Download a pdf of genius education textbooks. A princípio os participantes não serão informados qual receberam.

Ao final da pesquisa, os indivíduos que receberam o placebo são informados e recebem a vacina gratuitamente taken 3.


É importante ressaltar que, caso o participante da pesquisa seja chamado para receber a vacinação do Governo Federal ao longo do período da pesquisa, poderá entrar em contato com o Instituto Atena para verificar se recebeu a vacina ou placebo 윈도우 xp iso. Desse modo, caso tenha a oportunidade o participante poderá optar pela vacinação oferecida pelo governo.


Segundo a Dra. Sanali Paiva, não há motivo para que as pessoas sintam receio das vacinas em teste no Brasil. “Nosso país tem se destacado na produção científica e tecnológica mundial, por isso há vários estudos clínicos sendo realizados aqui”, explica.

E alerta para o detalhe positivo, de que os testes acabam beneficiando os indivíduos que estão em fase produtiva e não necessariamente se enquadram em grupos de risco, ou seja, pessoas que só seriam contempladas pela vacinação após os grupos prioritários.